Lenovo escolhe SUSE Linux para ambientes SAP

A divisão chinesa da Lenovo alterou os seus ambientes SAP de UNIX para a tecnologia SUSE Linux. Com esta alteração, a «gigante» tecnológica conseguiu reduzir os seus custos globais com SAP, diminuir as cargas de trabalho de administrador em 50%, poupando meses de trabalho por ano, melhorar a performance para SAP e aumentar o suporte global, através da utilização de uma plataforma empresarial purpose-built.

Esta alteração para tecnologia SUSE Linux foi motivada pela avaliação, por parte da divisão chinesa da Lenovo, que a sua infraestrutura estava envelhecida e não conseguia já a performance necessária para suportar as suas aplicações SAP críticas de negócio.

Estas aplicações eram suportadas por servidores de gama média, que corriam um sistema operativo baseado em UNIX.